Restart


Existe, escondido algures um poderoso botão que ao fazer click, tudo muda, altera de forma irreversível.

Um botão com um poder incalculável, porque quando nos impulsiona a não olhar para trás, pode ser até impiedoso.

Uma espécie de restart que nos desperta para a vida, fazendo com que não nos sintamos apenas vivos porque respiramos, impulsiona nos a querer sentir a vida.

Eu que sou invisível no meu mundo, e que no resto do mundo que me rodeia gosto de passar despercebida, quase ninguém me vê como realmente sou, pois não agrada as minhas mudanças, a minha personalidade forte e a minha inteligência que não me deixa acreditar nas “tretas” que tanto me tentam vender. Isso acontece pois dei permissão para tal. Erros que cometi ao acreditar demasiado.

Não lamento, mas já não faria da mesma forma, mudaria muita coisa e muita decisão.

Mas agora com 45 anos, e prestes a fazer 46, a paciência e a tolerância para determinados assuntos estão a ficar extintos, porque nunca fiquei satisfeita com restos ou migalhas.

Agora que me preocupo mais em cuidar do meu estado psicológico, os planos de outrora já não são os mesmos, e sei que consigo ser um bloco de gelo quando vejo que me empurram novamente para um lugar muito negativo.

O meu restart exigiu muita auto disciplina, muito empenho e acreditar mais em mim em primeiro lugar!

Carla Milho

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s