Human after all


Sabem quantas vezes eu questiono, se realmente pertenço aqui, a este lugar, a este mundo??!

Muitas, diversas, inúmeras…

Sou humana, eu sei… E sou a primeira a admitir as minhas imperfeições, os meus defeitos… Sei quem sou, de onde vim, onde estou, apenas não sei onde irei… Ninguém sabe, e ainda bem….

Mas não conformo com o ciclo de determinadas coisas, principalmente se são repetidas… Repetições não são erros, são escolhas, meus caros!

Soou a ironia, sim eu sei, foi de propósito!

Será que ninguém pensa que estamos começados mas não acabados?!

Ninguém se julgue acima de ninguém, a vida é uma espécie de um carrossel e dá muitas voltas… Ah, pois é!

O sol, por exemplo não substitui a lua e vice versa, ambos sabem as suas identidades e as suas importâncias, sem pensar em competição desnecessárias… Que tal, parece vos bem?!

Parecer até pode, mas do ser ao ter, vão uns quantos e outros tantos… Essa é que é essa….

Aceitem se, não são perfeitos…

Existam, mas não sejam arrogantes…

Brilhem e deixem brilhar!

Carla Milho

6 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s