Face your fears


Enfrentar os nossos medos, aquilo que nos assusta não é algo fácil , requer muita coragem !

Sim , enfrentar os medos , aqueles “bichos papões” que estão na nossa cabeça , é tarefa para pessoas corajosas .

Até á relativamente pouco tempo, eu vivia e sofria por causa de um dos maiores medos que sentia , ficar sozinha . Ficar sozinha por horas , por dias , a questão do meu medo não era o tempo , mas sim o ficar só. Era algo muito assustador para mim , sem que eu compreendesse por vezes o porquê desse medo tão superior a mim.

Por causa dele , desse medo fiz coisas com as quais não me reconheço , como pedir atenção e cheguei mesmo ao ponto de pedir que não me deixassem só , claro que os meus pedidos não foram levados em conta , nem valorizados. Mas foi muito bom isso ter acontecido, porque na verdade não sei quem eu era nessa altura , sempre fiz questão de ser independente e dona das minhas ações , sem nunca antes ter sentido a necessidade de companhia para perseguir aquilo que pretendia. De alguma forma e por alguma razão, tornei me dependente e isso apenas me trouxe dissabores por tantas desilusões ter sofrido.

Pois , esta história de darmos mais do que nos dão , acaba por se tornar uma enorme chatice e acaba por nos esgotar , levando nos a um estado de saturação . Foi isso que aconteceu comigo, saturei me de dar e não receber aquilo que merecia , de ser colocada numa prateleira como uma boneca de exposição, que apenas era lembrada quando a situação era conveniente. O que torna este género de situações ironicamente cómico , é o facto de eu conhecer algumas pessoas que por sentirem o mesmo tipo de medo que eu , não se sentiam felizes pois não conseguiam perseguir aquilo que achavam ser as suas felicidades…e tudo por causa do medo!

E nunca tinha feito parte dos meus planos , tornar me assim também .Mas a vida por vezes , reserva nos umas peripécias , alterando os nossos planos, fazendo nos esquecer nem que seja por algum tempo , quem realmente somos. Viver com este género de medo , acaba por nos tornar prisioneiros de outra pessoa, e nem sempre essa pessoa agirá de acordo com as suas promessas feitas outrora , num tempo que ficou esquecido pelo caminho.

Posso afirmar vos que não existe melhor aliado que vencer os nossos medos! Sim, olhar o “bicho papão” nos olhos e dizer:

“Já não tenho medo!”

Foi necessário passar por um processo de reeducação , pelo menos no meu caso , mas felizmente posso afirmar vos que hoje em dia , esse medo já não está presente , já não existe , morreu…

Passei a apreciar todos os momentos que tenho sozinha , e foi quando me apercebi que não fazia sentido nenhum ter tido medo, e o impensável aconteceu …dei por mim a adorar os momentos de mim para mim, como eu lhes chamo.

Desde que consegui ultrapassar este medo , a minha vida tornou se mais leve e consigo até ver as coisas de forma mais positiva que anteriormente , por causa daquele estúpido medo. Fui assertiva com a frase ” Eu posso , Eu quero , Eu consigo ” , coloquei isto na minha cabeça e meti em prática , sem olhar mais para o passado , para aquela época em que uma Carla que eu não reconheço ficou!

Foi a minha garantia e abertura para a minha realização , satisfação pessoal e por arrasto a felicidade piscou me o olho e tem chegado até mim, e apenas eu sei o quanto mereço!

Alguns de vocês , meus queridos leitores , irão identificar se com o meu texto, e haverá outros que não . Alguns de vocês terão outro tipo de medos , os quais podem não querer dizer , e eu apenas vos posso afirmar que a partir do momento em que decidam enfrenta los e vence los , serão muito mais felizes!

5 comentários

  1. Aww sweetest , great relief always reading your brilliantly beautiful write ups my dear. Well resonates with me but for the different reasons may he. Loves 😍❤
    facing the fears, those “boggarts” that are in our heads, is a task for courageous people.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s