O que é que eu quero /what do I want


O que eu quero?

Eu não quero o que todos querem , porque não finjo como a maioria.

Não me adapto a tanta hipocrisia , a tanta falsidade , a tantas palavras ocas com falta de conteúdo, a pessoas de “plástico”.

Isso é o que não quero , mas é aquilo que me dão , são as ofertas que me fazem , e algumas são me impostas , pela própria vida.

O que eu quero é ser quem sou , e que não me tentem vender ou manipular falsas intenções , quero a verdade por mais horrenda que ela seja , pois sei o quanto a mereço.

Não sou mais que ninguém , mas também não tenho que me diminuir perante ninguém , vivo de acordo com os meus princípios , sem querer vender propaganda enganadora a ninguém , não faço promessas que não cumpra , não faço falsas juras de amor . Comigo é tudo ou nada , não me contento com migalhas ou com metades.

No entanto , dei mais do que devia e ao te lo feito dei demasiado poder , mostrei demasiado as minhas fraquezas a quem não devia , a quem não tem o menor dom para as compreender, mas que soube como utilizá las na altura certa .

O que eu quero é sentir aquela emoção que apenas a paz me consegue transmitir e me permite afastar de velhas e negativas tentações, que ilumina os meus pensamentos e me ajuda a clarificar os meus pensamentos em dias de maior confusão, sim sou humana …e um dia a maldade conseguiu destroçar os meus sonhos , obrigando me a reconstruir novamente , a pegar em cada pedra e reerguer tudo novamente. Mas faz parte de quem sou , não sou de me deixar vencer perante as dificuldades , fui preparada para enfrentar as dificuldades e olha las nos olhos , a não ser cobarde e a encontrar soluções .

O que eu quero é que me deixem viver , e que não me deem opiniões quando eu não as solicitei , que parem de tentar aquilo que tanto anseiam . O lema de viver e deixar viver , é um conceito muito fácil de compreender!

Não quero ser mal interpretada , mas não me incomoda o que pensem de mim , permito me sorrir com a opinião alheia que tão errada está acerca de mim. Sinto mais medo de me sentir “escrava” dos outros, e dessa forma me ver privada da minha liberdade e da minha independência, Nunca pedi para ser salva , nunca senti essa necessidade.

Não sou fraca , nem sinto falta de apoio pois quando necessito de um , basta olhar me no espelho…sim é isto que eu quero!

Quando tomei novamente as rédeas da minha vida , quando fiz com a minha voz fosse ouvida novamente , retirei o poder que anteriormente tinha dado , estupidamente.

E permiti me viver , agarrar aquela segunda e maravilhosa segunda oportunidade que me foi dada , por alguma razão ….Creio que alguém neste universo achou que eu merecia , que tinha conquistado esse prémio, porque afinal quando sentimos a vida a escapar nos aprendemos a valorizar cada momento , cada detalhe e pormenor anteriormente ignorado!

Não sou exigente , exceto num pormenor exijo respeito e ser respeitada , porque é o que faço com todos os meus semelhantes , e quando algo não me agrada , afasto me sem sentir saudades e sem deixar saudades também…simples!

Obrigado a todos os que lêem e apreciam o meu blog, vemos nos no meu próximo post até lá um bem haja a todos vós! 🌹💖

2 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s