The soul of a poet


E o que vai na alma de um poeta?…

Um amor não correspondido, porém sentido…

Uma lágrima escondida por detrás de um sorriso…

Um coração incompleto que sangra por dentro…

Um vasto calor humano à procura da sua amada, mulher, companheira e amante…

Um despero avassalador por um nobre sentimento chamado amor…

Uma enorme vontade de amar e ser amado, corresponder e ser correspondido…

Provavelmente afinal todos nós temos uma alma de poeta que não pára quieta!

Carla Milho 🌹💖

10 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s