5 years ago


E passaram cinco anos… Mas as saudades não diminuíram, pelo contrário…

Mais um pedacinho de mim, morreu quando partiste deste mundo e eu senti me tão só, tão vazia, tão desprotegida.

É nisto que a vida é injusta, e não existe ninguém que esteja preparado para perder alguém que ame muito… Eu não sei lidar com este género de perda.

O tempo passa, mas neste caso não ajuda a suavizar a perda, porque as saudades aumentam e são mais que muitas.

Este género de amor posso garantir vos que não morre, que não desaparece, no entanto transforma se num amor que dói, que nos faz sentir um aperto no coração.

Não estava preparada para perder uma das pessoas mais importantes da minha vida, não era apenas um tio, era alguém que nunca me abandonou, que jamais permitiu que me fizessem mal e o meu mundo ficou mais pobre, e por vezes confuso.

Esta protecção não voltarei a ter, nem voltarei a sentir, mas não é por isso que sinto tanto a tua falta.

Tenho a certeza que no lugar onde estás, continuas a olhar por todos, como sempre fizeste com tanto amor e carinho, pois foste dos melhores seres humanos que algum dia conheci.

Sei que voltarei a estar contigo, um dia e até lá resta me zelar para que a tua memória permaneça viva e que sejas lembrado por aqueles que tanto amaste…. A ti, tio amo te muito para sempre até ao fim da minha vida!

Obrigado a todos os que lêem e apreciam o meu blog, vemos nos no meu próximo post até lá um bem haja a todos vós! 🌹💖

6 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s