See the beauty in things 💛


Ver a beleza… Ver realmente as coisas mais simples e belas, através dos nossos sentidos.

A mim encanta me a simplicidade, é onde consigo encontrar o pormenor mais encantador, o deslumbrante, onde o meu olhar fica retido e fascinado.

Não gosto de coisas corriqueiras ,de coisas que passam de mãos em mãos, sem destino, sem valor, gosto de encontrar o possível no que noutros olhos ,seja impossível. Gosto de saudáveis desafios, de seres genuínos, honrados e que saibam valorizar o que é realmente o respeito.

Mas encontro também o desencanto, onde nunca pensei, talvez por isso detete facilmente a mentira ao mínimo sinal, até mesmo através de um simples gesto ou palavra pronunciada. E o desencanto, em mim provoca uma negativa reação acabando por conseguir matar até mesmo um sentimento ou uma emoção. É… Quando esse processo tem inicio é como enveredar por um caminho sem volta, demore o tempo que demorar, é algo que não consigo controlar. O desencanto e a desilusão despoletam em mim, oceanos de revolta, turbilhões de emoções até que chega a fase ou a etapa de completo congelamento, em que nada volta a ser como antes porque afinal tudo mudou, não porque eu tenha querido que assim fosse , mas porque simplesmente tem que ser assim…E custa mais do que aquilo que gostaria , porque não fez parte dos meus planos , tornar me assim.

Nunca fiquei parada á espera que a vida me oferece se ou que as coisas caíssem do céu, sempre que desejei algo empenhei me em lutar por isso, sempre que acreditei que algo seria bom , corri atrás , fui á luta , foi assim que me educaram . E sempre tentei transmitir o mesmo para todos os que pudessem fazer parte da minha vida , por aqueles que por alguma razão se cruzassem no meu caminho, porque quando gosto ,gosto muito , nem nisso tenho meio termo. Nunca aceitei nada por metade , nem nunca soube lidar com o facto de tentarem de uma forma pestilenta e doentia colocarem o bedelho , opinarem naquilo que não lhes dizia respeito, mas as minhas ações e atitudes eu posso controlar, as dos outros é que não. E foi precisamente , um dos meus maiores erros , dos meus maiores desencantos , colocar expectativas demasiado altas nos outros, pensando eu que não me fariam aquilo que eu não seria capaz de fazer ,e deixei que fossem demasiado abusivos da minha suposta inocência ou boa vontade , esquecendo me de guardar as expectativas para mim , pois ninguém me conhece melhor que eu mesma .

Sempre achei que a verdadeira beleza é a que vem de dentro para fora , essa o tempo não corrói, nem corrompe. E quando se vive , cai se sete vezes e levantamos nos oito . Talvez por tudo isto , não pesa em minha consciência erros nocivos , má conduta , faltas de respeito ou de caracter , e cada vez que a minha vida exige reinvento me novamente , procurando desta vez dentro de mim , o melhor e o pormenor mais belo que me faça mover em frente!

Mas esta sou eu , é desta forma que eu vejo cada pormenor que passe por mim, que me toque seja ele desde o mais belo ao mais monstruoso, porque ninguém nunca me disse que a vida iria ser fácil sem espinhos , apenas me disseram para que eu fizesse e lutasse para que a minha valesse a pena!

Obrigado a todos os que leem e apreciam o meu blog, um bem haja a todos vós!

13 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s