For what does not come and go


Todos nos habituamos a ouvir a celebre frase , ” estou aqui para o que der e vier” , certo?!

Certamente todos nós já a dissemos e já a ouvimos também , no entanto eu gosto mais de ouvi la e dize la de outra forma , que na minha opinião é mais original e para mim faz mais sentido….” estou aqui para o que não der e vier”!

Não fez sentido ?! Talvez não o faça logo á primeira , mas se for corretamente interpretada, irão chegar á conclusão que faz mais sentido do que aquilo que julguem.

Nenhum de nós prevê o futuro , ninguém adivinha o que irá acontecer em nossas vidas e por isso mesmo não deveremos fazer promessas que poderemos por alguma razão não cumprir . Tudo é uma constante mudança , pois tudo pode mudar de um momento para o outro e não existem culpados nesse sentido.

Só poderemos atribuir culpas para quem possa elaborar determinadas coisas , e o faça de forma a atingir alguém negativamente , porque caso contrário tudo pode mudar .

E se ao invés de dizer “estou aqui para o que der e vier “, passar a dizer “estou aqui para o que não vier e der”, é estranho eu sei , mas as palavras têm que ser interpretadas da forma correta e acompanhadas de atitudes que as possam provar. Porque na realidade falar é fácil , mas do dizer ao fazer vai uma longa distância, e pode acontecer que no meio dessa longa distância algo aconteça que nos sature , nos esgote e nos faça mudar de ideias , pois apenas dar o devido valor a uma determinada situação quando a vivemos ,caso contrário apenas poderemos dizer que compreendemos e mesmo assim nunca a 100 por cento.

Cada pessoa reage á sua maneira , porque cada um tem uma personalidade diferente e isso é muito fácil de compreensão , mas não podemos prometer aquilo que não saberemos se iremos cumprir . E não o devemos fazer principalmente quando alguém estiver fragilizado e nos tenha mostrado esse estado , pois estaremos a dar falsas esperanças e isso não é ajuda, é precisamente o oposto!

Penso que ás vezes o melhor é não dizer nada , e o melhor a fazer é apenas demonstrar que a nossa presença está ali . Acho frustrante ter que se pedir atenção , pedinchar seja o que for, eu acredito realmente que á coisas que não necessitam ser pedidas , têm que ser dadas porque são verdadeiras e genuínas , caso contrário são obrigações. E embora exista pessoas que gostem de viver assim , também existem aquelas que quando se apercebem que tudo o que lhes foi dado foi por obrigação , essas irão revoltar se .

Um pequeno gesto vale mais que mil palavras ditas , e será esse gesto que irá ajudar ao invés das mil palavras.

É desta estranha forma que eu vejo estas circunstâncias da vida, e foram poucas as vezes que eu já a meio entre a distancia do dizer e o fazer, voltei atrás , mas quando o fiz ,foi por ter chegado á conclusão que quem eu estava a ajudar ,estava a utilizar me como um meio para atingir um determinado fim , um género de manipulação silenciosa e como detesto que me tentei manipular , retiro a minha pessoa desse género de cenário, independentemente daquilo que possam ficar a pensar acerca da minha atitude mais bruta ou acerca de mim. Simplesmente, porque não sou obrigada a compactuar com cenários onde utilizem a manipulação de forma a obterem aquilo que desejam . Gosto de ajudar naquilo que me seja possível , mas sempre que o faço é porque realmente assim o quero e não para me fazer passar por uma pessoa que na realidade não sou , e cada vez mais seleciono quem ajudo ou não, porque me fartei de ajudar quem menos merecia!

Espero que continuem a acompanhar o meu blog e a minha escrita, obrigado e um grande bem haja a todos vós! 🌹💖

14 comentários

  1. I was always good in business. I saw the good part and the negative part of every decision. A lot of people told me. I was negative and I told them. I learn in the Army. Know what can happen, good or bad? Be prepared for any situation. Have a escape route always. Hello dear Carla from Michigan.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s