The love spell- Part IV


Olá caros leitores,

O relógio marcava as 12 horas e 34 minutos , quando Francisco saia de um longo e relaxante banho. Seu corpo tinha sofrido uma enorme transformação também , aquele anterior porte atlético , aquele corpo perfeito e bem definido havia desaparecido e em agora seu lugar, estava uma peça de gesso mal trabalhada, cheia de cicatrizes e imperfeições. Ele só conseguia sentir vergonha , nunca antes em sua vida tinha estado perante tanta imperfeição , e tanta privação de beleza. Tinha que estar ás 14 horas , no consultório do Dr. Mauro, e a pontualidade era algo que ele apreciava muito , sendo umadas suas melhores características. Vestiu um fato de treino , pegou no telefone e solicitou á sua empregada de limpeza que viesse fazer uma limpeza extra esta semana, pois o seu apartamento tinha sido alvo de um assalto. Foi essa a desculpa que deu para aquele caos, e para tanto objeto partido em sua casa. Pegou no seu capacete , e lá foi ele rumo á consulta , á sua derradeira esperança de terminar aquele pesadelo!

Subiu no elevador com o capacete colocado em sua cabeça , não era capaz de retira lo em plena luz do dia perante outras pessoas , sentia se uma aberração da natureza. Entrou no consultório, deixando a porta bater com alguma força, fazendo com a rececionista nota se a sua chegada.

Um rosto magro e tímido apareceu, por detrás do monitor do computador que estava na secretária. Uma mulher , talvez com trinta e poucos anos , sorria timidamente para ele, convidando o a aproximar se. Uma linda voz , perguntava lhe se era Francisco Fortunado, a marcação das 14 horas. Francisco respondeu com sua voz grave e antipática , que sim e que pretendia efetuar já o pagamento da mesma , de forma a evitar mais dialogo com aquela mulher. Dr. Mauro era muito organizado e pontual, e assim que o relógio marcou as 14 horas , a rececionista chamava Francisco a entrar dentro do consultório.

O médico encontrava se atrás da sua grande e ornamentada secretária. Era um homem já com uma certa idade, baixo , calvo, gordinho e com um ar austero de quem não brincava com a sua profissão. Era bastante respeitado e conceituado no mundo da medicina , e chegava a ter doentes que vinham de outros países ,em busca do seu parecer e da sua opinião.

Saudosamente , cumprimentou Francisco :

Como está , caro Francisco Fortunado, que o traz aqui ao meu consultório , meu bom rapaz?-Disse o médico com um ar surpreso. ao ver que Francisco não tinha retirado o capacete .

Lentamente sem ter pronunciado uma palavra , Francisco retira o capacete , sentando se de seguida na cadeira em frente ao médico que o olhava com um ar aterrorizado!

Meu caro , que se passa consigo , por onde andou, esteve em contato com quem ?!- Perguntou Dr. Mauro com uma voz horrorizada.

Francisco fez lhe um breve resumo do seu dia anterior , tentado ao máximo parecer credível ao médico que o olhava com um ar suspeito e assustado. Também a ele , cada palavra soava mais maluca que a anterior , mas era realmente a verdade, 100 % verdade.

Foi então que o médico , lhe disse que teria que o submeter a exames para tentar entender sua maleita , porque nada daquilo que Francisco lhe acabava de contar. lhe parecia razoável e de uma mente sã!

Pela primeira vez desde que Francisco se lembrava , pediu cordialmente sem ser em tom de ordem a maior rapidez a Dr. Mauro , porque ele abominava o estado em que se encontrava , naquilo que se tinha tornado , ou melhor que alguém o tinha tornado…um monstro!

De forma muito profissional , o médico colocou a hipótese de que a bebida que ele tinha ingerido para brindar o aniversário de sua mãe , tivesse sido adulterada por alguém . Francisco suspirou , não havia pensado nessa possibilidade ..alguém lhe ter colocado sem que ele tivesse visto uma droga que pudesse ter provocado aquela enorme confusão!

Mais uma vez , lá em cima no universo , a mulher vestida de negro cantarolava a mesma canção…

” Pobre Francisco… Cético, Francisco…”

Continua….

6 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s