Guilty


Olá caros leitores,

Ah , a culpa !!!

Essa coisa tão feia que tem um papel pequeno ou grande na vida de todos nós. Pois todos nós somos culpados de alguma coisa , não existe ninguém impune neste mundo. Todos nós já nos sentimos culpados de algo em nossas vidas. Existem vários tipos de culpa, e existem também os vários graus para classifica la.

Normalmente o sentimento de culpa está associado á pratica de algo mau que tenhamos feito, tenha sido intencional ou não, mas a culpa está sempre lá .

Por exemplo , ao partirem um simples copo nunca se sentiram culpados ?!

Eu já , fico muito zangada quando estou a lavar a loiça e parto alguma coisa ,sentindo me culpada também porque era quem a estava a lavar .Este pequeno exemplo , apenas serviu para expressar as diferentes formas como eu vejo a culpa, e como podemos senti la de várias maneiras e por diversas razões. Claro que este género de sentimento de culpa é completamente inofensivo e não é um exemplo que irá afetar a vida de ninguém , e a única coisa negativa é que temos que comprar outro copo. No entanto existem outros , e desses a maioria das pessoas fogem a sete pés, tentando sempre ilibar se de qualquer culpa. Aquele género de culpa , quando as nossas atitudes ou ações têm repercussões na vida de terceiros ,aqueles que eu chamo vitimas colaterais.

Pois esse sentimento de culpa ninguém quer ter , e são muito poucos aqueles que são suficientemente corajosos para assumir suas culpas, seus erros ,seus defeitos.

O caminho mais fácil sempre foi e será fugir, ou mandar a culpa para cima de outros, arranjando bodes expiatórios que sirvam na perfeição para representar esse papel. Também eu sou culpada de muitas atitudes, ações ou palavras ditas incorretamente para alguém ,sou humana e imperfeita , porém tenho a capacidade de pedir desculpa quando me apercebo que a culpa foi inteiramente minha, ensinaram me a ser humilde e a assumir sempre tudo o bom e o mau, que eu pudesse fazer ao longo da minha vida , quando eu era criança . foi um dos maiores valores que me transmitiram na minha educação . Mas não é fácil , e ninguém gosta de se sentir culpado ou de ter que ser castigado por isso , mas quanto maior for o sentimento de culpa e quanto mais tempo deixarmos passar , mais caótico será assumir e resolver , seja o que for.

Uma das coisas mais importantes que eu aprendi, nestes últimos anos , foi a deixar de me sentir culpada pelos erros dos outros , coisa que era habitual em mim fazer …estupidamente. Porque ao faze lo , nunca permiti que cada um fosse responsável pelas suas culpas, e por senti las ou não, eu queria ser a salvadora de todos aqueles que fizessem parte do meu mudo , que eu amasse , e ao invés de fazer bem só fiz mal, inclusive a mim mesma . E o que é que eu ganhei com isso ?!

Nada! A não ser uma lição e uma promessa que não irei voltar a faze lo!

Deixar que cada um seja responsável de suas culpas não significa que não os amemos, significa que apenas não somos os responsáveis por elas , simples , nada mais que isso !

Espero que continuem a acompanhar o meu blog e a minha escrita, obrigado e um grande bem haja a todos vós! 🌹💖

7 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s