Look closely at the mirror ❤️


Olá caros leitores,

Olhem por segundos para a imagem que coloquei no inicio deste post…

Ela tem um significado deveras importante para alguém que possa sofrer de auto confiança!

Nem sempre possuímos o que de mais importante deveria ser para nós próprios, confiança!!!

E quando ela falta, bom é uma treta!!! Uma grande e enorme treta!!!

Recordo me que há 16 anos atrás quando fui pela primeira vez, a uma consulta com o meu psicólogo, uma das primeiras coisas que ele me disse foi, tinha diariamente que me olhar no espelho e repetir algumas vezes a seguinte frase :

“Eu sou a pessoa que mais gosta de mim, eu sou uma bonita mulher!

Na altura pensei que o melhor seria ser imediatamente internada, porém passado alguns meses, puxei o assunto numa das minhas consultas para lhe poder agradecer o conselho, a ajuda!

Eu não tinha a plena consciência de quanto em baixa forma psicológica, eu estava naquela altura. Perante todos, eu fazia me de forte, de durona… Foi na altura em que a minha doença foi descoberta, e os meus filhos ainda eram pequenos e eu tinha que protege los daquilo que se estava a passar comigo. No entanto, não tinha a noção que estava a perder a minha auto estima, auto confiança e isso não me iria ajudar a enfrentar aquilo que mais a frente estava à minha espera, mas pelos meus filhos eu faria e faço tudo, eles representam o melhor de mim!

Foram necessários muitos meses mais, para que pelo menos, a auto estima volta se a ser sentida por mim e mesmo assim foi uma luta contra mim mesma!

Nos meus dias negativos, eu sentia me ridícula em frente ao espelho, a repetir aquela frase, mas continuava, insistia apesar de tudo!

Confesso vos, sem vergonha que ainda hoje, vou para a frente do meu espelho e repito aquela frase, sou humana meus queridos leitores, e passei à muito pouco tempo, por outra batalha que também me fez desacreditar em tudo novamente, e desta vez não foi necessário ninguém me ter alertado para a importância daquele exercício.

E com medo, porque esta última batalha foi bastante violenta, e também por eu estar tão esgotada psicologicamente, fisicamente e emocional, decidi pedir uma ajuda extra, além de um psicólogo, pedi também a ajuda de um psiquiatra, porque pela primeira vez na minha vida, senti medo daquilo que eu poderia fazer a mim mesma!

Não via sentido em nada, em ninguém, os meus dois filhos estavam criados, são adultos e já não necessitava tanto de me preocupar com eles, fui uma perfeita tonta, eu sei, porque eu havia esquecido a pessoa mais importante na minha própria história, EU!!

Se já consegui ultrapassar tudo?!

Não, mas matei aquela pessoa que fui durante aquela horrível fase para que ela não tenha a ousadia de voltar, mas ainda existe na sua forma fantasmagórica! Mas com o tempo e a paciência necessária um dia, ela irá desaparecer para sempre… Um demônio de cada vez!

Por isso sejam livres de colocar em prática, aquele exercício sempre que se sintam inseguros e com falta de confiança em vós próprios, mas não desistam porque sem esforço, dedicação e empenho, os milagres não acontecem!

Espero que continuem a acompanhar o meu blog e a minha escrita, obrigado e um grande bem haja a todos vós! 😊🌹🤗

10 comentários

    1. Obrigado Francisco 😊para mim é muito importante a vossa opinião quando lêem o que eu escrevo, é muito importante mesmo saber que a minha mensagem é bem interpretada 🌹😊obrigado e um forte abraço para ti desta tua vizinha portuguesa
      Carla 🤗🌹

      Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s