Assuntos do coração ❤️💞😉


Olá caros leitores,

E como vão os vossos corações?

Espero que estejam bem, de saúde e a palpitar de alegria 😊

Os assuntos relacionados com o coração nunca serão fáceis de entender, existiram sempre lacunas por preencher!

Eu gostaria de ter nascido, claro que obviamente não sem coração, mas sem possuir a capacidade de desculpar, as pessoas que me pudessem fazer mal, estou a ser vos muito sincera, como sempre!

Se não tivesse essa capacidade, as vezes que as atitudes dos outros já me magoaram, fazendo me com que a tristeza mora se no meu lugar, teria sido evitada !

E agora estão vocês a pensar, mas sem amor não vale a pena viver, até certo ponto concordo convosco, mas eu não menciono qual é o tipo de amor que mais sofrimento nos pode causar. Na minha opinião todo o género pode!

Até o amor que sentimos por um amigo nos magoa, até a morte de um ente querido nos magoa, são dois exemplos, apenas!

Até poderíamos amar, mas não deveríamos sofrer, deveríamos ser inumes a esse sofrimento !!

Existem pessoas que são tão magoadas, mas tão magoadas que após sofrerem desilusões atrás de desilusões, nunca mais abrem seus corações para esse sentimento novamente!

Eu conheço bem de perto um destes exemplos, a minha mãe.

Teve 2 grandes amores em sua vida, ambos em idades diferentes, e nenhum resultou positivamente, o que fez com que ela encerra se de vez, o seu coração! E foi pena, porque da segunda vez, ela tinha apenas 33 anos, enfim!

Na altura não consegui compreende la, eu tinha 15 anos, mas agora com 44 anos, consigo entender as razões pelas quais, optou por nunca mais dividir o seu espaço, a sua vida com outro homem. Se teve namorados, entretanto, foi discreta mas isso também faz parte da sua personalidade!

A solidão é uma doença, sim sem dúvida nenhuma que estou completamente de acordo com isso, mas também para estar mal acompanhada, mais vale estar só, e se aprendermos a usufruir da nossa própria companhia, bom isso significa que afinal não estamos sós.

Eu já escrevi em post anteriores, que me considero a minha melhor amiga e também a minha pior inimiga, mas até à bem pouco tempo eu também não compreendia as coisas desta forma, e sentia um medo terrível de ficar sozinha. Foi necessário a vida, com a ajuda da minha doença dar me uma valente lição, para que eu aprende se a vencer esse medo. Ainda estou a aprender, ainda estou a um terço do caminho, mas realmente algo em mim mudou, porque hoje em dia se o acaso ou o destino, fizerem das suas e eu fique sozinha, o medo que antes sentia, bem deixou de me assustar, já não sinto medo desse “bicho papão”!

Desejo a todos vocês, muita felicidade em todo o género de amor em vossas vidas!

Espero que continuem a acompanhar o meu blog e a minha escrita, obrigado e um grande bem haja a todos vós! 😊🌹🤗

11 comentários

  1. O teu pede uma sensibilidade enorme para interpretá-lo, porque adentra nesse campo da relação, do saber lidar com as pessoas. Essa é uma tarefa árdua, pois nunca sabemos a carga de informação, nem também quantas refeições as outras pessoas sofrem, e que também de alguma forma isso chega até nós. Mas, aí temos que aprender a lidar com a não recepção na vida do outro.
    Sempre devemos oferecer motivos que possam agregar, mas isso não é garantia de nada. É difícil p/ outro, assim como para nós. Às o problema não é conosco, mas com o outro.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s