MÁGOAS E SENTIMENTOS


Olá caros leitores,

Embora a imagem colocada seja de alguma forma de simbolismo católico,não é sobre isso que vos irei escrever hoje,mas sou católica à minha maneira e pratico a minha fé como bem eu entendo!

Através do silêncio alcançamos ,por vezes as respostas a perguntas pertinentes que nos roubam o sono e a paz…A melhor oração é sem dúvida aquela que fazemos através da nossa mente,sem espectadores e sem protagonismo,porque na demonstração da humildade é que está escondida a sinceridade!

AH! Toquei num ponto tão sensível, a sinceridade!

Vocês acreditam mesmo que são tão sinceros ,como vocês se esforçam por ser ?

OH! Meus caros leitores,talvez por amargura ,não acredito na sinceridade alheia,aprendi a confiar desconfiando…Acredito sim na minha sinceridade,na dos outros não é bem assim…

A sociedade foi construindo e enraizando,aos homens e ás mulheres que nela vivem regras de boa conduta moral e ética,cheias de hipocrisia,repleta de sanções mas apenas aplicadas ás mulheres,porque aos homens não é bem assim…Para mim as regras, a seguir são aquelas em que eu acredito,baseadas no respeito e no carácter que deve existir como base para que tudo na minha vida funcione da melhor forma possível…

Nunca gostei de brincar com sentimentos,nem os meus nem o dos outros,nunca tive a necessidade de fingir,até porque como sou uma pessoa extremamente transparente,todas as emoções ficam desde logo nítidas,no meu rosto,mas obviamente só posso falar por mim,embora eu seja uma pessoa muito observadora e perspicaz, e inconscientemente apercebo me quase sempre de tudo o que gira à minha volta!

Se tiveram a oportunidade de ler o post,que ontem escrevi aqui,fui bem clara quando disse que à uma coisa que não tenho a capacidade de perdoar é a traição,não irei repetir o que escrevi ontem,de forma alguma,mas vou dar vos a minha opinião sobre o que acho verdadeiramente sobre a traição!

Todos nós,no percurso de nossas vidas,homens e mulheres ,tivemos certamente episódios em que a tentação se cruzou em nossos caminhos,certo?

Eu fui muito clara quando disse todos nós,por isso sejam verdadeiros convosco mesmos,em vossos pensamentos,porque lá ninguém consegue penetrar,mas continuando,quando duas pessoas decidem assumir uma relação ,e não me estou só a referir a relações entre homens e mulheres,mas também às relações homossexuais,ás quais não tenho absolutamente nada contra,cada um deve ser feliz com quem e como ache melhor para si,assumimos um pacto de sinceridade e respeito, essa relação vai se construindo, com essas bases e alicerces,(respeito e fidelidade)e se a dada altura através de um pequeno devaneio, essa base sofre o mesmo ,que os edifícios sofrem quando há um terramoto por pequeno que ele seja,são abertas fissuras que não se manifestam logo,mas com o passar do tempo, podem levar esse edifício ao desmoronamento total,o mesmo se passa nas relações,uma vez a confiança quebrada,dificilmente novamente será sentida da mesma forma.Eu acho que acima de tudo teremos que pensar muito bem ,antes de agir por impulso,porque a verdade acabará sempre por vir ao de cima,e poderemos causar danos irreparáveis aos outros…Ontem falei vos no episódio,que se passou com os meus pais,e o que o meu pai fez à 40 anos à minha mãe deixou com esses tais danos,porque ela nunca mais quis,como ela própria diz aturar um homem!Uma aventura pode levar á ruptura de famílias, mas o mais grave é ficar para sempre gravada a marca da traição e isso vire o principal impedimento para que se queira arriscar novas relações…É como se colocássemos uma barreira em forma de escudo protector!

Eu penso que quando fazemos a opção de ter uma relação mais séria,e não é necessário um papel legal,para o provar,temos de ser conscientes que fizemos essa escolha que ninguém nos obrigou a tal e não temos o direito de destruir, ninguém faltando lhe ao respeito,por isso se escolhemos a vida de “casados”,não podemos fazer vida de “solteiros”,isso seria viver uma vida dupla repleta de mentiras.

Quantos casais, eu sei que o fazem e não são afinal felizes,fingem sê lo ,por conveniências económicas,pela existência de filhos,por comodismo,etc…

Quantas relações existem ,em que o casal após anos de conviverem um com o outro,já se dão como garantidos,e deixam a chama do amor morrer,porque acham que já não à necessidade para tal?

Meus caros leitores,eu costumo comparar o amor a uma planta,senão cuidarmos dela diariamente,chegará o dia em que ela irá morrer certamente,no amor e numa relação é de igual maneira,senão houver manifestação diária de afecto,carinho e interesse,ela vai morrendo lentamente…Ás vezes basta um elogio,um sorriso como forma de manifesto,como impedimento de sentir necessidade de ir em busca noutro lugar, noutras pessoas,mas claro nem sempre funciona na totalidade porque existem pessoas que não são capazes de se entregar a uma pessoa só.E a sociedade do século XXI, vive mais focada,em viver através das redes sociais,do convívio com amigos,de festas.

Estas famílias formadas,e falo vos em concreto das da minha geração, pessoas nascidas nos anos 70,não levam a fidelidade à seria ,brincam sim aos papás e ás mamas, e à mínima dificuldade que surja,o caminho mais fácil é regra geral a separação.

Hoje em dia, o ser humano opta sempre pelo facilitismo,pelo que é melhor para si e não pensa nos restantes membros existentes que por vezes são os que mais sofrem com os danos colaterais.

Agora com a pandemia do COVID-19,certamente que todos vós ,já ouviram que o número de divórcios vai disparar,e sabem porque ?

Porque antes das pessoas serem obrigadas a ficar em suas casas,olhando para seus maridos e suas esposas, 24 horas sobre 24 horas,sem outra opção,chegaram à conclusão,que não existe mais nada que justifique viver essa mentira,o sentimento e as bases,à muito tempo que se tinham perdido,o confinamento apenas lhes abriu os olhos!

Tantas mentiras que se viveram,correcto?E para quê?

Espero que os casais que se separarem,não utilizem o COVID-19,como bode expiatório,porque o problema já existia anteriormente a este vírus,eles é que foram demasiado cobardes ou preguiçosos,para tomar uma decisão definitiva.

Aprendam a ser genuínos,não se enganem a vocês mesmo e também não enganem os vossos companheiros…SEJAM FELIZES E DEIXEM QUE OS OUTROS TAMBÉM O SEJAM ,PORQUE É O QUE LEVAMOS DE MELHOR ,DESTE PEQUENO MILAGRE CHAMADO VIDA!

Espero que tenham gostado,obrigado!

2 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s